top of page

Boiçucanga tem ponto fixo de recarga do cartão SOU

O Rancho do Gaúcho é o novo ponto fixo de recarga de créditos do Cartão

SOU (Sistema de Ônibus Urbano) para utilização do sistema de transporte

público municipal.



Localizada na avenida Walkir Vergani, n.º 214, em Boiçucanga, no Rancho do

Gaúcho poderão ser realizadas recargas de segunda-feira a sábado, das 11

horas às 16 horas, com pagamento somente em dinheiro.  


O Rancho do Gaúcho de Juquehy, localizado na Estrada BR 101 (Rodovia Rio

Santos), km 176, n.º 750, próximo ao trevo, também realiza recargas, nos

mesmos dias e horários e funcionamento. Em breve, será anunciado um ponto

de recarga na costa norte, em fase de credenciamento.


A emissão do cartão SOU é feita exclusivamente no guichê da empresa,

localizado no Terminal Rodoviário, à Rua Minas Gerais, n.º 221, e no posto

itinerante (ônibus), que percorre os bairros da cidade. O cartão é gratuito,

bastando apresentar o documento de identidade (RG).  


Vantagens do cartão SOU


Com o Cartão SOU, os passageiros que utilizam o transporte coletivo podem

realizar integração de duas linhas no mesmo sentido de deslocamento

pagando apenas uma tarifa. Outra vantagem do cartão é não precisar utilizar

dinheiro para o pagamento das passagens ao embarcar nos ônibus, até a

utilização do valor total recarregado.


Entenda a integração


As tarifas do transporte coletivo de passageiros são de R$ 4,50 para as linhas

Tronco e Regionais e de R$ 2,50 para as linhas Alimentadoras (bairros). O

valor máximo a ser pago por uma viagem que utilize até duas linhas de ônibus

no mesmo sentido de deslocamento, pelo período de 4 horas (durante a

temporada), é de R$ 4,50.


Por exemplo, se o passageiro embarcou em uma linha Alimentadora (bairro),

pagando R$ 2,50 pela passagem, e realizou a integração com as linhas tronco

ou regional, pagará apenas a diferença de R$ 2,00, totalizando os R$ 4,50.


Caso o primeiro embarque seja em linhas Tronco ou Regional, pelo valor de R$

4,50, não pagará nada mais ao embarcar em uma segunda linha, de qualquer

um dos sistemas, desde que continue no mesmo sentido de deslocamento,

pelo período de 4 horas.

1 visualização0 comentário

Comentários


Post: Blog2_Post
bottom of page