top of page

Caraguatatuba é a 1ª cidade da RMVale melhor para se viver com mais de 60 anos

A Prefeitura de Caraguatatuba divulgou no início desta semana dados do Instituto Longevidade, associação que estuda os impactos socioeconômicos do envelhecimento nos municípios brasileiros, que apontou o município como a 16ª cidade do Brasil melhor para se morar com mais de 60 anos. Caraguá lidera entre as cidades da Região Metropolitana do Vale e Litoral Norte (RMVale).



O levantamento foi feito em todas as cidades do Brasil e levou em consideração questões como saúde, economia e socioambiental para avaliar o bem-estar da população idosa. O Instituto Longevidade fez a análise em todos os 5.570 municípios do Brasil.


As cidades foram divididas em três categorias: grandes: com mais de 100 mil habitantes (326 cidades no total); médias: entre 34.850 e 99.999 habitantes (674 cidades no total); e pequenas: menos de 34.850 habitantes (4.570 cidades no total).


Caraguatatuba ficou a frente de importantes cidades do Vale do Paraíba, como Jacareí (46°), Guaratinguetá (50°), São José dos Campos (96°), Pindamonhangaba (103°) e Taubaté (154°).


Para a realização da pesquisa, foram consultados números e apontamentos de fones como DataSUS, INSS e principalmente o próprio IBGE. Caraguatatuba é a cidade do Litoral Norte com melhor infraestrutura comercial, de saúde e para entretenimentos e isso já é um motivo para atrair inúmeros turistas e veranistas.



A cidade, de acordo com os dados do IBGE em 2023, conta com 134.875 habitantes. Houve um crescimento da população idosa nos últimos anos e em comparativo com os dados do IBGE de 2010, os moradores acima dos 60 anos passaram de 11.305 em 2010 para mais de 22 mil em 2023.


Para atender toda essa demanda, cidade tem investido em unidades de Saúde e somente entre 2017 e 2023 entregou mais de 10 equipamentos públicos, que servem para atendimento da população geral, mas também aos idosos.


Além disso, Caraguatatuba é uma das poucas cidades da região que possui uma secretaria municipal específica para atendimento do idoso e a pessoa com deficiência (Sepedi) e que, inclusive, virou modelo para outras cidades.


Especificamente para o idoso mais independente, a Sepedi conta com o Centro Integrado à Pessoa com Deficiência e ao Idoso (CIAPI), que atende cerca de 1 mil idosos em 47 atividades diferentes. Trata-se de um espaço para acolhimento, proteção e convivência de pessoas idosas independentes ou semi-dependentes que apresentem condições de risco ou vulnerabilidade social.


Já os idosos mais debilitados, a cidade conta com o Centro Dia, onde recebem acompanhamento de diversos profissionais e realizam atividades.


Além disso, a Sepedi possui convênio com três instituições de longa permanência particulares para acolhimento de 89 idosos em situação de vulnerabilidade. Já o Lar São Francisco atende cerca de 140 idosos a domicílio.

Outras 46 vagas serão criadas este mês para atender mais idosos na Instituição de Longa Permanência que está em construção no bairro Pontal Santamarina e será municipal.


“A população idosa tem uma política pública forte com uma secretaria exclusiva para implementar as ações e dar a garantia dos direitos dos idosos”, destaca o secretário dos Direitos do Idoso e da Pessoa com Deficiência, Amauri Toledo.


Entretenimento


Como entretenimento fora das dependências do CIAPI, a Prefeitura de Caraguatatuba oferece em diversos bairros da cidade academias da Terceira Idade. Recentemente 15 novos foram instalados na cidade e cada kit é composto de multiexercitador 6 funções, simulador de caminhada duplo, simulador de cavalgada duplo, simulador de esqui duplo, simulador de remo individual, cadeira pressão de pernas Leg Press duplo, volante de rotação diagonal duplo, volante de rotação vertical duplo, alongador 3 alturas e simulador de surf duplo.


Há ainda a Praia Acessível, que oferece equipamentos voltados aos idosos, inclusive aos com dificuldade de locomoção. No local, há equipamentos e monitores que ajudam esse público a frequentar a praia e tomar banho de mar. Para os mais aventureiros e com boa locomoção, temos o Espaço Aventura, onde são oferecidas atividades de escalada com monitores aos idosos.


Além disso, Caraguatatuba é a única cidade da região que possui uma Vila Dignidade, um programa de moradia da Prefeitura de Caraguatatuba em parceria com o Governo do Estado que atende idosos sem vínculos familiares e independentes física e financeiramente. Atualmente são 16 idosos atendidos nas 20 vagas oferecidas.


“Os dados são reflexos dos investimentos que temos feito para atender a população idosa. Uma cidade com qualidade de vida atrai cada vez mais a Melhor Idade”, destaca o prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior.


2 visualizações0 comentário

Comentários


Post: Blog2_Post
bottom of page