top of page

Caraguatatuba é contemplada para programa de recapeamento de 27,9 km da SP-55

O prefeito de Caraguatatuba, Aguilar Junior, participou no Palácio dos

Bandeirantes, da cerimônia para a liberação de verbas da segunda fase do

Programa Estrada Asfaltada, do governo estadual. O município foi contemplado

em três trechos, um total de 27,9 quilômetros da Rodovia Rio-Santos (SP-55).


O anúncio foi feito pelo governador Rodrigo Garcia no último dia 19,

e destacou ser esse o maior programa de recuperação de estradas estaduais

da história de São Paulo. “Nós estamos autorizando mais 2,1 mil quilômetros

hoje e eles se somam a uma autorização do ano passado, que também foi uma

etapa importante do Estrada Asfaltada”, disse.


Os trechos contemplados em Caraguatatuba vão do km 81+970 ao km 99+630,

com extensão de 17,660 km; do km 102+300 ao km 108+000, com extensão de

5,700 km e do km 108+000 ao km 112+550, com extensão de 4,550 km, todos

sentido São Sebastião.


“Esse anúncio é muito importante porque há anos lutamos para conseguir

esses recursos para o recapeamento da Rodovia Rio-Santos. Passaram vários

governadores pelo Estado e nada. Agora o Rodrigo Garcia entendeu nossa

necessidade e liberou o recurso”, disse o prefeito Aguilar Junior.


A situação da Rodovia SP-55 está tão crítica que no ano passado a Prefeitura

de Caraguatatuba chegou a realizar operações tapa-buracos para dar

condições de mobilidade aos motoristas que trafegam diariamente pelo trecho.

O edital das obras está previsto para ser publicado nesta sexta-feira (20), no

Diário Oficial do Estado. O Departamento de Estradas de Rodagem (DER)

realizará obras de conservação especial e manutenção de vias, que consiste

em recape e implantação de nova sinalização das rodovias.

“Estamos melhorando a logística do Estado, ampliando a segurança e

garantindo a mobilidade de todos. Importante destacar que a boa qualidade

das rodovias impacta ainda diretamente na redução de acidentes”, afirmou

João Octaviano Machado Neto, secretário de Logística e Transportes.

1 visualização0 comentário

Comentários


Post: Blog2_Post
bottom of page