top of page

Casa PodeRosa realiza rodas de conversas para debater Violência contra Mulher

Em alusão ao Dia Internacional do Combate à Violência contra Mulher, a

Prefeitura de São Sebastião realizará na sexta-feira (25), às 10h, nas

dependências da Casa PodeRosa, uma roda de conversa, juntamente a

Defensoria Pública do Estado de São Paulo (DPE-SP), referente ao tema para

conscientização e alerta a sociedade civil sobre os casos de violência e maus

tratos contra mulheres.


De acordo com a Casa PodeRosa, a organização das Nações Unidas (ONU),

desde 1999, reconhece o dia 25 de novembro como o ‘Dia Internacional para

Eliminação da Violência Contra as Mulheres’. A data foi escolhida para

homenagear as irmãs Mirabal (Pátria, Minerva e Maria Teresa), dominicanas

que ficaram conhecidas como ‘Las Mariposas’ e se opuseram ao ditador Rafael

Leónidas Trujillo Molina, República Dominicana, entre 1930 e 1961,

assassinadas em 25 de novembro de 1960.


Ainda de acordo com a Casa, a violência contra mulheres, adolescentes e

meninas tem sido pesquisada nas suas diversas formas e nos mais variados

contextos. Em especial, o lar tem se mostrado como um espaço inseguro para

muitas mulheres. Estima-se que uma em cada três mulheres tem vivenciado

violência física e/ou sexual, por parceiro íntimo ao longo de sua vida. Neste

âmbito, embora não seja o único, tem sido identificado o parceiro íntimo como

principal agressor.


Diante deste cenário, a equipe multidisciplinar da Casa PodeRosa irá

promover, também, rodas de conversas, com a população atendida pelo Centro

de Referência de Assistência Social (CRAS), além da palestra, em parceria

com a Defensoria Pública do Estado de São Paulo. O objetivo é orientar sobre

os tipos de violência contra a mulher, desmistificar alguns conceitos da

violência de gênero e contribuir para identificação e relação do machismo na

violência de gênero, além de formas de denúncia, acesso a rede de proteção,

medidas protetivas de urgência, com foco especificamente nos equipamentos

do município.


Casa PodeRosa


Desde 2020, São Sebastião possui um espaço dedicado especificamente a

mulheres vítimas de violência doméstica, ou em situação de vulnerabilidade

social: a Casa PodeRosa, ligada ao Centro de Referência Especializado de

Assistência Social (CREAS) da Secretaria de Desenvolvimento Econômico e

Social (SEDES), Prefeitura de São Sebastião.

Entre os equipamentos ofertados pela equipe multidisciplinar da rede de

proteção social, a Patrulha Maria da Penha, que acompanha vítimas de

agressão e violência doméstica, realizada por equipe treinada da Polícia


Municipal, em que os contatos são feitos por telefone e visitas às vítimas, além

da ferramenta Botão do Pânico, presente no aplicativo Assistência Social São

Sebastião SP. Mulheres com medidas protetivas são orientadas a baixar o

aplicativo e acionar o botão, caso precisem de socorro.

O sinal é transmitido ao Centro de Operações Integradas (COI) que envia

imediatamente uma viatura da Polícia Municipal para o atendimento da

ocorrência.

As ações da Casa PodeRosa são realizadas com a Coordenadoria da Mulher,

Fundo Social, Fundação de Saúde Pública de São Sebastião (FSPSS),

Secretaria de Saúde (SESAU), Segurança Urbana (SEGUR), Desenvolvimento

Econômico e Social (SEDES), Conselho Municipal dos Direitos da Mulher

(CMDM) e 136ª Subseção da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de São

Sebastião.

A Casa PodeRosa fica na Rua Prefeito Mansueto Pierotti, 990, Vila Amélia. Os

atendimentos acontecem de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h. Mais

informações pelo número (12) 3893-1866.

1 visualização0 comentário

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page