top of page

Competições náuticas em Ilhabela são encerradas com a 17ª Caipirinhas Cup

A Capital Nacional da Vela recebeu no último sábado (10/12), a tradicional

Caipirinhas Cup, que este ano realizou sua 17ª edição com 26 barcos

participantes, nesta grande festa de encerramento do calendário náutico de

Ilhabela em 2022.



A largada da regata foi realizada por volta das 13h, próximo ao Farol da Ponta

das Canas, em função do vento. O fita-azul da prova foi o veleiro Alforria e a

equipe Morango foi a grande campeã da regata, com 44 pontos, seguido das

equipes Kiwi (53), Limão (53) e Abacaxi (66).


Os barcos participantes da regata foram divididos em equipes, montadas de

forma aleatória, conforme a ordem de inscrição. As equipes levam o nome de

Morango, Abacaxi, Limão e Kiwi, em referência às frutas utilizadas no drink

brasileiro “Caipirinha”. Uma canoa havaiana também participou desta edição do

evento.


A festa de confraternização e premiação foi realizada no Pindá Iate Clube, após

a regata, com tradicional canoa de cerveja, refrigerantes e muita caipirinha. A

organização da regata foi promovida pela Remax/Mar & Vela, Pindá Iate Clube com apoio da Prefeitura de Ilhabela, Lojas Top Tintas e Cachaça Única.


Escola de Vela de Ilhabela se destaca em ranking da Fevesp 


A Federação de Vela do Estado de São Paulo (Fevesp), divulgou no último

domingo (11) o ranking dos melhores velejadores eleitos por meio de uma

votação na última semana. Os alunos da Escola de Vela de Ilhabela

conquistaram um resultado satisfatório no ranking.


Na categoria de Projeto Social Escola de Vela, a Escola de Vela de Ilhabela

“Lars Grael” ficou na primeira colocação, empatada com o Yacht Club Santo

Amaro (YCSA), com um total de 17 pontos. Já na categoria Velejador (a) do

Ano, estavam concorrendo os alunos Felipe Fridrich (3 votos), Gabriela Ono (2

votos) e Sophia dos Santos (2 votos).


Na categoria Velejador (a) Revelação, concorreram as alunas Sophia dos

Santos e Mariana Galvão (3 votos), sendo ambas vice-campeãs Brasileiras de

Dingue 2022, disputado no Rio de Janeiro, participou também a aluna Gabriela

Ono (2 votos).


O dirigente da EVI, Ronilan Rodrigues, concorreu na categoria Dirigente

Destacado (a) e conquistou a terceira colocação do ranking, com 9 votos. O

diretor contou como é importante e gratificante ser reconhecido pela Fevesp e

como a EVI tem feito um bom trabalho em conjunto com os alunos. “O prefeito

tem dado total apoio, com recuperação de equipamentos e compra de motores

e embarcações para dar segurança aos alunos, além de uma melhor condição

de trabalho aos técnicos e professores. Sendo assim, temos conseguido

alcançar bons resultados”, finalizou.

0 visualização0 comentário

コメント


Post: Blog2_Post
bottom of page