top of page

Jamil Pereira lança ‘Perigo É Viver Sem Abraço’




"Feito uma seta no alvo, me lanço no mundo… Perigo é viver sem abraço. Sem rota, nem rumo, nem passo…”, canta Jamil Pereira em seu novo single, que chega na quinta-feira, 14 de dezembro, nas plataformas digitais. E no mesmo dia, às 11 horas, o clipe Perigo É Viver Sem Abraço, gravado em Ubatuba (SP) com direção de produção da Spíndola Filmes, estreia no canal do artista no youtube.


“Perigo É Viver Sem Abraço é uma canção sobre acolhimento e entrega”, comenta o cantor e compositor Jamil Pereira. Composta em parceria com o cearense Yuri Eduardo, Perigo É Viver Sem Abraço tem produção de Adriano Magoo, que também toca teclados na gravação. Com voz e violões de Jamil, o single tem guitarras de Tuco Marcondes, baixo de Fernando Nunes e bateria de Léo Susi.


O arranjo de Jamil Pereira e Adriano Magoo tem inspiração no rock das décadas de 1960 e 1970, no som dos Beatles em “Strawberry Fields Forever”. “A sonoridade é moderna, mesmo com instrumentos como melotron, hammond, guitarra Rickenbacker 12 cordas e a bateria utilizada na gravação - um modelo Pinguim de timbre grave, a fim de emular essas referências do rock”, revela Jamil. A mixagem é de Luis Paulo Serafim - o LP,  e a master de Brendan Duffey. A capa do single é de Lucas Felipe "Maguna", com foto de Daniela Seco.


Com produção de Adriano Magoo, Jamil está gravando seu primeiro álbum, Nevoeiro, que tem previsão de lançamento no primeiro semestre de 2024. Natural de Fortaleza, o cantor e compositor de 33 anos chegou aos 9 em Ubatuba, cidade do Litoral Norte paulista, região onde atua intensamente em casas de show e bares de música ao vivo desde 2019.


Apesar da distância, a infância no Ceará marcou definitivamente a criação artística de Jamil, que preservou toda a influência cultural e ligação com o meio musical da região. O artista tem como parceiros renomados compositores da música brasileira, como o violonista cearense Nonato Luiz e o piauiense Jorge Mello, que mudou-se para Fortaleza e participou ativamente do movimento que lançou o “pessoal do Ceará” no início dos anos 1970. Parceiro de Belchior, Jorge Mello é autor com Jamil de A História Um Dia Vai Contar, o primeiro single autoral de Jamil, que também ganhou clipe no youtube.


O artista também tem conexão com os compositores da nova geração cearense, como Yuri Eduardo, com quem compôs Perigo É Viver Sem Abraço e Cavalo Baio, single lançado no primeiro semestre com um belo clipe no canal do artista no youtube, que foi registrado na região do Vale do Paraíba (SP), nos municípios de São Luiz do Paraitinga e Lagoinha.

 

3 visualizações0 comentário

Comments


Post: Blog2_Post
bottom of page