top of page

Pró-Mulher realiza mais de 2.100 mamografias neste ano

A Prefeitura de Caraguatatuba, por meio da Secretaria de Saúde apresentou

balanço das mamografias realizadas neste ano. Foram 2.136 exames feitos

pelo Centro de Referência da Mulher (Pró-Mulher).


O exame é o mais indicado para mulheres acima dos 40 anos para detectar

precocemente a presença de nódulos nas mamas, além também do auxílio de

exames clínicos e laboratoriais.


A Campanha ‘Outubro Rosa’ vem para alertar as mulheres sobre a importância

da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e do colo do útero.

“A ideia é evitar que mulheres recebam o diagnóstico em estágio avançado, por

isso, a importância dos exames de rotina anualmente. Procurem as unidades

de saúde para o agendamento do exame preventivo e da mamografia”, destaca

o secretário de Saúde, Gustavo Boher.


Além disso, aproximadamente 6 mil exames preventivos ou papanicolau foram

realizados pela rede municipal, indicado para mulheres acima de 21 anos de

idade ou conforme a necessidade. Esta avaliação permite a descoberta

precoce de alterações celulares que podem evoluir para o câncer de colo de

útero.


Atividades


A programação das atividades do ‘Outubro Rosa’, segue no dia 14 de outubro

(sexta-feira), no Pró-Mulher, com a palestra sobre “Sexo e Sexualidade” – mitos

e verdades, para mulheres acima de 50 anos, ministrada pela médica

ginecologista e sexóloga, Eveline Novack.


No dia 21 de outubro, às 10h, no Pró-Mulher, teremos um emocionante

depoimento de Michelle Pires sobre a luta e cura de um câncer. O tema da

palestra será “Fortes impactos negativos podem gerar ações positivas”.


E no dia 27 (quinta-feira), às 14h30, também no Pró-Mulher, aula de dança e

de automaquiagem, aberta ao público. Durante o ‘Outubro Rosa, o espaço

continua com ações preventivas de consultas e exames.


As atividades iniciaram no último dia 08 com apresentação da Camerata para

recepcionar as pacientes; coleta de preventivo e mamografia para pacientes já

agendadas e palestra ‘Florindo no Outubro Rosa’, com a psicóloga do espaço.


As equipes de Estratégia de Saúde da Família (ESF) também promovem

diversas atividades de conscientização e coleta de papanicolau e

encaminhamentos para exames, se necessário.

2 visualizações0 comentário

Comentarios


Post: Blog2_Post
bottom of page